Pilates para hérnia de disco

Saiba porque os médicos tem indicado cada vez mais o Pilates para hérnia de disco.

Você sabia que 80% da população brasileira sofre com alguma doença na coluna vertebral?

Isso significa que, sem os devidos cuidados, todos temos grandes chances de ter nossa qualidade de vida prejudicada devido a dores nas costas (confira  aqui alguns exercícios simples de Pilates para dores nas costas) ou limitações articulares. Nesse quadro temos percebido muitos benefícios do Pilates para hérnia de disco.

Hérnia de disco

A hérnia de disco ocorre quando parte de um disco intervertebral sai de sua posição normal e comprime as raízes dos nervos que se ramificam a partir da medula espinhal e que emergem da coluna espinhal. Esse problema é mais comum nas regiões lombar e cervical, por serem áreas mais expostas ao movimento e que suportam mais carga.
Os discos intervertebrais são estruturas em formato de anel ou discos localizados entre as vértebras que formam a coluna espinhal. Os discos são constituídos por tecido cartilaginoso e elástico e tem como principal função evitar o atrito entre uma vértebra e outra, mas permitindo o movimento entre elas.

Pilates para hérnia de disco
A hérnia de disco acontece com o desgaste desses discos, causado pelo seu uso repetitivo. Na hérnia de disco, parte de um disco sai de sua posição normal e passa a comprimir as raízes dos nervos, causando pressão sobre elas e, consequentemente, dor. Dentro desse quadro que tende a se agravar, existem muitos benefícios no método Pilates para hérnia de disco.

A abordagem do Pilates para hérnia de disco

O principal objetivo é reeducação postural por meio de exercícios dinâmicos que trabalham toda a musculatura. Através dos seus princípios, concentração, fluidez, controle, respiração, centro de força, postura o praticante do método irá melhorar sua consciência corporal, flexibilidade, equilíbrio e força muscular, assim terá consequentemente o alívio das tensões, dores e desconfortos causados pela hérnia. O praticante aprenderá as posições corretas das costelas, pelve e alinhamento da coluna que pode ser alterado por diversos fatores como vícios posturais causados pelo dia a dia, trabalho, posição anatômica da coluna, pés e demais segmentos corporais. No Pilates conseguimos um treinamento muscular mais específico em aulas personalizadas. Trabalhamos com a estabilização da coluna, que é o fortalecimento dos músculos profundos, responsáveis por manter as vértebras e seus componentes articulares na posição correta.

Saiba também: Os benefícios para Hérnia de Disco através do Treinamento Funcional aliado ao Pilates.

 

Luiz Fernando Garbelotti – Coordenador e Instrutor Studio Viver Bem

Especialista em Método Pilates – UGF

Filiado a Pilates Method Alliance